Telexfree: Como Recuperar o Dinheiro Investido?


Há alguns anos, uma empresa fantástica prometia ganhos monetários com trabalhos realizados de qualquer lugar, bastando apenas possuir um computador com acesso à internet. Estes ganhos eram oriundos de vendas de pacotes de VOIP e marketing multinível.


Esta empresa era conhecida como “Telexfree” e, em pouco tempo, captou diversos apoiadores e colaboradores, mediante um investimento inicial dos próprios membros, prometendo enriquecimento a curto e longo prazo, garantindo ganhos extraordinários para o singelo trabalho exercido.


Todavia, mediante uma Ação Civil Pública protocolizada na Justiça Estadual do Acre, as atividades desta empresa foram suspensas e posteriormente encerradas, haja vista ter sido caracterizada a prática da famosa pirâmide financeira.


A Justiça Estadual do Acre determinou que a “Telexfree” fechasse as portas, e que os colaboradores que investiram poupanças e rendimentos naquela empresa fossem ressarcidos pelos valores pagos, sejam eles para ingresso ou reforço dos pacotes adquiridos.


Nesta mesma ação, também foi determinado o bloqueio dos logins que davam acesso ao ambiente virtual, local aonde as informações dos gastos, investimentos e depósitos feitos pelos colaboradores poderiam ser encontrados.


A forma adequada para solicitar o ressarcimento dos valores pagos é a via judicial, conforme a determinação do Poder Judiciário do Estado do Acre, mediante a propositura de uma Ação de Cumprimento de Sentença, mediante a apresentação dos boletos e comprovantes de pagamentos dos investimentos realizados, para requerer que a empresa extinta “Telexfree”, e seus sócios fundadores, devolvam aquelas quantias desembolsadas pelos colaboradores.


Para aqueles que não possuem comprovante de depósito dos investimentos, a demonstração destes atos se mostra dificultada, mas, nesses casos, o caminho adequado para solicitar judicialmente o ressarcimento é a propositura de uma ação de exibição de documentos, aonde é necessário que o colaborador apresente provas de que possuía vínculo com a empresa extinta, principalmente o login de acesso ao ambiente virtual que utilizava.


Para todos os casos, se você teve suas reservas e poupanças investidas na “Telexfree”, e posteriormente foi privado do reembolso destes valores, procure um advogado!


Por Matheus Guesser

39 visualizações